Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2012

Gênesis.

A existência da matéria começou nEle. O primeiro "materialista" foi o Criador da matéria  . 
     O caos existente no planeta começou a ser organizado por Ele. Luz para um lado, escuridão para o outro. Águas para um lado, porção seca para o outro. Flora e fauna se espalharam pelo planeta em ordem, por suas espécies, em total harmonia. Tudo isso começou nEle.
     O ser humano começou com um ato Seu, transformando a matéria (no caso o barro), formando homem e mulher. Organismos complexos dotados de capacidades mais elevadas que os animais e vegetais. Isso começou nEle.


Uma nova "gênesis".
    Mas hoje o que vemos? Desordem. Doenças físicas, mentais, sociais. O retorno do caos, da desordem, da incoerência. Algo aconteceu e somente Aquele que é a origem de tudo pode novamente dar ordem, coerência, sentido às coisas. 
     Mas quem é Ele? Onde estaria? As religiões se confundem. Se antagonizam. Erguem suas bandeiras. Arrogam-se verdadeiras. Únicas. Especiais. Tudo em nome d…

Como lidar com o absurdo?

Existem certas coisas que simplesmente não vamos entender. Absurdos que jamais deveriam ter acontecido. Desgraçadamente estão registrados em nossa lembrança, lugar de onde jamais sairão. Como lidar com eles?
Primeiramente, não abrigue esse tipo de questionamento: " - por que foi acontecer justamente comigo?" 
Esse tipo de indagação é incoerente, porque eu e você vivemos num mundo caótico, onde o pneu do meu carro é de borracha exatamente como o seu. Ambos estamos sujeitos ao câncer da mesma forma que estamos à gripe. As tragédias abatem-se sobre ricos e pobres, cultos e iletrados, bons e maus. Estamos na mesma "espaçonave Terra", e o terremoto que derruba a sua casa, derruba a minha também. Não há lógica nos desastres.
Em segundo lugar, desista de encontrar culpados. Os absurdos são absurdos exatamente porque sua causa é estranhamente desconhecida. A gente arrisca um palpite aqui, se atreve a uma opinião ali, mas ninguém atinge a raiz. Ninguém encontra uma resposta qu…

Vocação Política.

Ao candidatar-se a um cargo público, o cidadão deveria questionar-se sobre sua vocação política.  Muitos não tem a menor noção do que seja a vida pública. Foram içados aos cargos  por carisma, simpatia e participação na sociedade, no entanto desconhecem por completo o que se espera de um político nesta fase em que se encontra o nosso país.
Meu Brasil brasileiro. O Brasil passa por uma estabilidade econômica, mas essa prosperidade deveria atingir todos os seguimentos da sociedade, o que lamentavelmente não acontece. Motivo? Corrupção.             Precisamos de políticos vocacionados, o que não significa gente com gosto pela política. Posso gostar de cantar e ser um péssimo cantor. Da mesma forma é preciso, primeiro, saber se tenho vocação para a vida pública, se estou preparado para a fase que o país atravessa.
O que é vocação?             É um dom natural. Algo que faz com que a pessoa não se veja em nenhum outro lugar senão naquele pela qual acredita haver nascido. É um “chamado”? Penso …

Para nossa alegria "uma ova" ( ! )

Não aguento mais ouvir essa frase. Cara, já deu! Chega. E não me refiro a repetição, ao número de programinhas de auditório que a dupla já visitou; aos posts no Face e várias outras redes sociais; as milhares de imitações postadas no you-tube, mas ao achincalhe que se faz do nome de Deus.  Será que os caras não sabem que há uma maldição na Bíblia contra os que fazem isso? "Não use o meu nome sem o respeito que ele merece; pois eu sou o SENHOR, o Deus de vocês, e castigo aqueles que desrespeitam o meu nome" (Ex 20:7). 
Pare de repetir essa frase. Pare de compartilhar este post. As catástrofes e desastres acontecem e a gente fica com cara de m..... e xinga Deus: "por que o Senhor não fez nada para impedir".  Será que não aprendemos com o departamento de marketing do Titanic com sua pérola: "nem Deus afunda" (?). Será que não aprendemos com John Lennon e sua famosa frase: "somos mais famosos que Jesus Cristo" (?). Usar o nome de Deus em brincadeiras…